quarta-feira, 26 de dezembro de 2007

OBRIGADO!


E já passou mais um Natal!
Este, para mim, era um Natal muito complicado por apenas passarem 7 meses após a morte da minha Mãe e, consequentemente, ser o primeiro sem ela!
Mas tenho de confessar que correu tudo muito bem, dentro dos possíveis.
Uma parte da família, a preocupada e responsável, e uma enorme parte dos amigos, multiplicaram-se em atenções e preocupações que, não fazendo esquecer o momento doloroso e a saudade, obviaram, em concreto a situação e fizeram-me sentir protegido, acarinhado e acompanhado.
Foi bom!
A todos muito Obrigado!
A ti que soubeste estar atenta e preocupadamente presente...Amo-te!
A ti Mamã, que sinto que também estiveste comigo...Nunca te esquecerei e estarás sempre, sempre, dentro de mim.

16 comentários:

Rui Caetano disse...

Pois é, o Natal passou, no entanto, esperemos que o seu espírito de amizade, alegria e olhar para os outros com sentimento de ajuda. Um BOM Ano.

Manuel Damas disse...

Obrigado pela visita, que já retribui.
Um BOM ano de 2008 para si também, Rui.
Volte sempre.

Olá!! disse...

Este já passou Professor e o ano está quase a ir embora, também... não me vou queixar de 2007, foi mais ou menos tranquilo, se 2008 for igual fico contente.
Ainda não vou deixar os meus votos para si.
Essa rosa é linda...

Manuel Damas disse...

Ainda é muito cedo "Olá!"!
Pode sempre deixar-mos no programa!
:)))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))

Patrícia disse...

Dizem que para que possamos saborear melhor os acontecimentos, este não podem ser fáceis. Vejo que conseguiu contornar os obstáculos neste Natal:-) fico feliz, um beijo

Manuel Damas disse...

Um beijito grande, Patrícia!

FM disse...

Está a ver, está a ver... Até foi Bom. Abraço.

Sandra T disse...

Caro professor, infelizmente deste assunto posso falar com propriedade,e desde já, lhe digo que 7 meses, 7 anos, ou 27 anos, serão sempre iguais em dor e saudade.Graças a Deus quando uma porta se fecha abrem-se sempre janelas.Um grande beijinho com toda a certeza que ainda existem centenas de janelas por abrir. Bom 2008.

Manuel Damas disse...

Foi menos mau, Francisco! E quem agradece sou eu...até porque você também tem a sua quota parte de Bom Samaritano!
:))))))))))))))))

Manuel Damas disse...

Gostei de a ler, Sandra e percebi, na pele, tudo o que li.
Um beijo enorme!
Quanto a 2008 ainda falaremos, de certeza!

Ruy disse...

Bonito Sr Manuel, é verdade uma parte de nos vais com eles, mas outra parte deles fica, e continua a viver.
Estranho combinação? Mas esta é realidade, na verdade eles nunca morreram somo a continuação da vida deles...
E sua mãe de certeza que tinha muito orgulho em ter um filho como o Senhor.
Obrigada a senhora, também por nos deixar uma pessoa linda por fora e por dentro no meio de nós.

Manuel Damas disse...

Uops...
Agora fiquei com lágrimas nos olhos.
Obrigado Ruy...

Sunshine disse...

É isso o Natal: podermos sentir o carinho, o afecto e a protecção de quem nos ama e podermos dar aos outros o mesmo (evidentemente que este "mesmo" não tem nada a ver com quantidade, porque há alturas em que podemos dar mais amor e outras em que conseguir recebê-lo já é bom sinal).
Eu também consegui passar o Natal tive que "colocar uma máscara" e lá correu tudo bem dentro dos possíveis: recebi carinho e beijinhos dos meus meninos, tive a presença de quase toda a família próxima e aquele que não esteve presente conseguiu também passar um bom Natal.
O meu amor esteve presente apenas fisicamente, uma vez que sinto que o seu coração já foi para longe...
Obrigada pela linda foto da rosa.

joana disse...

Ainda bem que passou um natal agradavel,professor,bem o merecia beijinho grande

Manuel Damas disse...

Foi mais um carinho, CC...
Essa cabeça e esse coração não me parecem nada bem...digo eu!
Um beijo enorme e solidário.

Manuel Damas disse...

Um beijinho enorme para si também Joana.