quinta-feira, 26 de abril de 2007

Edith Piaf - Non je ne regrette rien

A voz, a dor, a vida!...

4 comentários:

Cristina disse...

Fenómeno dos fenómenos, uma voz incomparável que nos afecta em todos os sentidos.
Sabia, professor, que Edith Piaf faz parte da play list da Festival?

Manuel Damas disse...

Surpresa agradável, Cristina!

Patrícia disse...

deixe-me dizer-lhe que a sua tristeza e dor se sente aqui...neste cantinho chamado peso da régua, tão perto do fim do mundo.e deixe-me que lhe diga que me tem ajudado tanto que só por isso devia sentir-se feliz!gostava, como já lhe disse, de voltar a ver em si a alegria que sempre nos transmitiu. o que mais me custa nas pessoas que "magoam os outros que amam" é o facto de se esquecerem que não magoam só essa pessoa, mas todas as outras pessoas que estão à volta.

Manuel Damas disse...

Obrigado Patrícia.Mas este é um percurso que tenho que fazer...Um beijo enorme, do tamanho do mundo.