quarta-feira, 14 de fevereiro de 2007

GATO FEDORENTO - ALBERTO JOAO JARDIM

Não me considero um indefectível dos "Gato Fedorento"...Todavia, este é um caso de excepcional qualidade.

2 comentários:

Mize disse...

Fazer humor é uma arte, por isso tão complexo quando é digno, inteligente sem necessidade à bregeirice. Boa!

Manuel Damas disse...

Eu adoro o humor...
Considero-o uma manifestação de inteligência superior!
E, por vezes, o melhor é mesmo levar isto a rir...