quarta-feira, 9 de abril de 2008

"SALA DE AULAS" - NA PORTO CANAL


A entrevista no "Sala de Aulas" correu muito bem.
Isto na opinião da sua apresentadora e pelo número pouco usual de mensagens que o programa recebeu.
O tema era complicado, porque falar de Homossexualidades, em Portugal, em 2008, ainda é complicado.
Por outro lado eu ia algo receoso porque sabia que era um programa da tarde que vive de um tema e das mensagens consequentes.
Por isso estava receoso de alguma mensagem mais ofensiva, para as quais, sinceramente, já não tenho a mínima pachorra...
Tinha, depois, um outro receio que se relacionava com o medo de ter poucas mensagens...um número desconfortável que traduzisse um deserto em termos de participação.
Tinha, ainda, tenho que admiti-lo, receio da forma como eu e a apresentadora iríamos interagir.
Reconheço que estou muito mal habituado. Eu tenho o prazer e a honra de trabalhar com uma profissional extraordinária, com a qual funciono muito bem e que possui um "golpe de cintura" muito bom que lhe permite trabalhar comigo de forma produtiva.
Confesso, ainda, que eu sou uma pessoa com quem não é fácil trabalhar...sou muito exigente, muito picuinhas e tenho a mania de que sou perfeccionista.
Acresce, ainda, o facto de que a faixa etária que assiste a este tipo de programas televisivos no horário da tarde ou é muito baixa ou muito elevada...São faixas limítrofes, com as suas especificidades próprias.No caso em questão, como se trata de um programa muito virtual, sustentado pelas novas tecnologias, seria expectável que a faixa etária envolvida fosse baixa.
Na realidade a população alvo deste programa é uma faixa etária baixa.
Mas tenho que deixar de ser obcecado com este tipo de circunstâncias.
O programa correu muito bem, teve um número excelente de participações, "nunca visto", segundo a apresentadora e eu senti-me bem, solto, relaxado, capaz de fazer passar a mensagem.
Mais uma que já passou à história.

Aproveito este espaço para agradecer à "Coragem" Riscos de Vida pelo prémio que me atribuiu e que muito me emocionou...

o Prémio "Award Blogs Favoritos de 2007".

Obrigado "Coragem"!
Este mesmo prémio vou atribui-lo à Gi Pequenos Nadas

18 comentários:

lumiere disse...

antes de mais parabens por mais um premio!
nao tive a oportunidade de ver o programa por razoes pessoais, as quais um dia poderemos falar so os dois !
mas parabens pela abordagem do tema!
posso afirmar que grande parte dos meus Amigos ( rapazes e Raparigas) são Homosexuais e lhe garanto que para mim é algo muito natural, embora pra muita gente ainda seja tabú, bem nao sabe o professor outra coisa que para nós falar de sexo é tão facil como comer um chocolate!
ou entao o "menu alternativo" da esevr

lol um abraço

Manuel Damas disse...

Soltei uma gargalhada saborosa com este seu post lumiere. Um abraço

@nn@ disse...

venha buscar, tem prémios !

Mary disse...

Muitos Parabéns Professor!
Infelizmente um tema AINDA controverso...para muitas pessoas!!
beijinhos

Mize disse...

Senti-me «estimadinha».

bigda

beijufas

e sim, esteve muito bem.

Olá!! disse...

Pois.... obrigadinha ;))))

A Coragem deu-lhe um prémio de 2007???? Ó Coragem francamente... hehe (brincando)
Tem lá um de 2008, Professor.... é só pegar e trazer.
Beijosssssssssssssss

Coragem disse...

Professor, (respondendo à Olá)Estamos em meados de Abril, sou calma e ponderada na distribuição de prémios, nada mais natural o prémio ser atribuido agora, respeitante ao ano anterior, imagine que eu me arrependia, não é verdade (Olá :)))))).
Beijinho

Olá!! disse...

hehe Coragem, está visto que já ganhou, é como o FCP ;))))´
Beijossssssssss

Manuel Damas disse...

Já lá irei, @nn@, meu anjo!

Manuel Damas disse...

Um tema sempre complicado, como são os Afectos, Mary...

Manuel Damas disse...

E a menina é muito "estimadinha"...
:))))))))))))))))

Manuel Damas disse...

Já lá irei, "olázinha"...

Manuel Damas disse...

"Coragem"...desde já assumo. Sou candidato ao prémio de 2008!
:)))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))

Manuel Damas disse...

Oh "olázinha"...serei eu como o FCP?
Não acha um bocadinho de exagero...para o FCP obviamente?
:)))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))

Gi disse...

Começo por agradecer a lembrança que tanto me sensibilizou. Obrigada. De seguida (devia ser primeiro mas não consegui) dar os parabéns quer pelo prémio que lhe foi atrbuído como pelo programa que ao que parece excedeu as expectativas. Ser-se perfeccionista para mim nunca foi defeito, o único defeito é não se saber quando parar, quando atingimos o limite. Cada um tem o seu. Vaidade, brio naquilo que se faz , desde que na medida certa,só faz é bem e é coisa que vai faltando de hoje em dia .

Andei por aqui há uns dias à procura do endereço electrónico para enviar uma mensagem. tenho andado arredada destas estradas da net e agora que voltei fui atingida em cheio por alguém que me acusa de violação de direitos autorais mesmo com referência ao artista, ao site , com as fotos identificadas e a aconselhar as pessoas a verem o trabalho. Enfim, queria contar-lhe alguns detalhes para perceber o porqu~e de não aparecer e também por isso mesmo me sinto tão honrada com este selo. faz-me sentir que não é uma simples troca de galhardetes mas porque acha que é merecido e isso sabe muito bem . Mais uma vez obrigada , são este gestos que anulam outros que de motivadores nada t~em.

Um beijinho

Paulo V. Pereira disse...

É chocante como nos nossos dias ainda seja tão difícil falar de homossexualidade. Recentemente, onde dou aulas, não podemos levar a cabo a performance da peça de teatro "Deixe-mos o Sexo em Paz", para maiores de 12, pois a palavra "sexo" é ainda algo relacionado com o pecado.
Imagine-me a leccionar este conteúdo, em CN6, com alunos que com frequência dizem: "que nojo". Claro que lhes pergunto por que razão procuram afectos e têm erecções (por exemplo)... Haja paciência!!!

http://paulovasco.multiply.com

Manuel Damas disse...

Minha querida Gi...neste trajecto virtual encontra-se de tudo.
Quanto ao seu belíssimo espaço, de uma beleza, qualidade e sensibilidade ímpares uma acusação de plágio lamento mas não colhe.
Os cães ladram mas a caravana passa.
Quanto ao meu endereço electrónico ele é

damas.manuel@gmail.com

Use-o sem modéstia.
Um beijinho grande

Manuel Damas disse...

Já foi pior, Paulo, mas ainda falta um longo caminho...