sexta-feira, 7 de março de 2008

"SEXUALIDADES, AFECTOS E MÁSCARAS"-24ª emissão


Logo irá para o ar, às 0.30, na Porto Canal, em directo, mais uma emissão, a 24ª, do programa "Sexualidades, Afectos e Máscaras".
Hoje será a segunda parte do tema "Violência nas Relações".
Muito ficou ainda por dizer, para discutir e conversar.
A violência nas relações "versus" a violência na relação sexual.
A violência psicológica e a violência física...qual a mais pesada, a mais forte, a mais grave, a mais invasiva?
A violência imposta, a violência consentida e a violência desejada.
Estes e outros aspectos serão tratados logo, sem formalidades, de forma pedagógica, sem tabus nem pudores, no único programa de televisão, em Portugal que, em directo, aborda temas das Sexualidades e dos Afectos, sem esquecer as condicionantes impostas pelas Máscaras.
Apareça.
Colabore.
Vai gostar e vai tornar-se visita habitual da nossa sala de estar tertuliana.
Até logo.

37 comentários:

lumiere disse...

viloencia......
deixo-vos um caso que tomei co«nhecimento de quando estive a fazer voluntariado numa associação! um certo senhor ( nao posso falar em nomes) era vitima de violência em casa! o curioso da coisa é que quem olhasse por fora pensava que era ele que batia na mulher! porém depois de um acompanhamento deparamo-nos que era o contrario que se passava!
as mascaras eram de tal maneira que fiquei absorto da situação
~
porém dá que pensar

Estafermococus disse...

Convite aceite.

Manuel Damas disse...

Já falámos nisso lumiere e vamos tornar a falar...os estereótipos nem sempre se situam no sentido que julgamos...

Manuel Damas disse...

Espero que goste,"estafermo"!
:))))))))))))))))))))

liamaral disse...

Beijinho e bom programa!! :)

lumiere disse...

em geito de reflexão e de estudo tive de recorrer as belissimas cronicas que o professor colocava na revista se7e

quando da leitura mais atenta me surge isto: " parece nao haver tempo para a ternura e para o carinho, temendo-se o peso avassaladorde dizer: Amo-te", in Revista se7e dom. 30 de janeiro de 2005

deixo uma sugestão
será este medo uma mascara da nossa sociedade que as pessoas preferem tomar do que enfrentar a dura realidade do amor?

seria um bom tema de programa

FM disse...

Como não poderia deixar de ser; Votos de mais um Excelente Programa.

Olá!! disse...

Lá estaremos... bom programa
Beijinhosss

@nn@ disse...

la estaremos onde olà ? estas tu que o porto não chega aqui, que raio porque é que nao esta no bouquet portugues ?

Waldorf disse...

Nelito, não tenho saldo no telekas!!!
Tenho que cravar alguém :/

Statler disse...

Velho, se me cravares vais ter o prazer de levar com dito cujo no osso frontal, onde de tempos a tempos te crescem emplantes!!!

E o dito cujo não é isso que estás a pensar, refiro-me mesmo telemóvel.

macaw disse...

Violência, tema complicado...

Bom programa!
bjinhos ;)))

Manuel Damas disse...

Obrigado lia...

Manuel Damas disse...

Uma bo sugestão, lumiere...Vamos ver como estamos de agenda!
:)))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))

Manuel Damas disse...

Obrigado, Francisco, pela sua sempre presença...que anoto e não esqueço!

Manuel Damas disse...

Espero ouvi-la hoje, "olazinha"...

Manuel Damas disse...

Oh @nn@...se chega ao Luxemburgo, a Inglaterra e ao Brasil, pelo menos, não me diga que não chega a França que não acredito!

Manuel Damas disse...

Docas, meu querido...não queres também que te pague a chamada?! Já agora, que fale comigo, por ti, não????
:))))))))))))))))))))

Manuel Damas disse...

Statler, fofo, hoje estás violento...
:)))))))))))))))))))))

Manuel Damas disse...

Obrigado, "mac"...beijinho grande!

Statler disse...

Claro que tou violento, sou um homem de Afectos!!!!

Olá!! disse...

Excelente, o programa hoje foi muito bom mesmo.
Beijosssssssssss

Manuel Damas disse...

Hei!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Eu é que sou um Homem de Afectos!!!!!
Eu é que sou o Presidente da Junta!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
:P

Manuel Damas disse...

Ainda bem que achou "olazinha" porque, sinceramente, aqui entre nós que ninguém nos lê...eu também achei!
:)))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))

Statler disse...

Subescrevo!!!!

Manuel Damas disse...

Oh Statler...qual dos posts é que tu subscreves, Homem? Para cima estão 24 comments...

Sunshine disse...

Que pena não ter visto! Chego à noite e não há nada que me consiga manter acordada:(
Não sei se falaram, mas como não pôde participar aqui vai: em relação à violência psicológica, conheço casos que nunca chegaram`a violência física. O agressor retira à vítima toda a sua auto-estima, liberdade de movimentos e até de falar. A situação é constante, mas tem picos de viôlência, após os quais o agressor se vitimiza e parece ser ele próprio vítima da sua violência, passando por períodos de depressão. Este é o comportamento típico do agressor?
Quanto à vítima fica sem qualquer força para sair da situação, porque esta é uma situação que se prolonga há anos sem fim...
Beijinhos

Manuel Damas disse...

A violência psicológica foi também largamente abordada, CC.
Os mecanismos densos das teias criadas através e em contexto de Afectos.

Statler disse...

Nenhum, apenas me apeteceu cometer um erro e suicidar-me de seguida, mas contive-me no suicido e soltei o erro!!!

Statler disse...

Opááhhh... queria dizer que gostei do programa, mas, mas custa-me tanto utilizar a palavra "gosto"!!

Manuel Damas disse...

Guarda só para ti todos os "gosto" e quando os quiseres usar poderá já ser tarde...

Statler disse...

Mesmo a guardar todos os "gosto" para mim, sou afogado em "gosto"!!!

Quem sabe seja por isso, que sinto que quando se expressa o "gosto" muitas vezes não seja um "gosto" genuino.

Prefiro sentir e que sintam o "gosto".

vsuzano disse...

Gostei de ver o programa. Realmente a violência nas relações é algo que destroi um dos lados. ~

Deve se altamente destruidor ser sucessivamente rejeitado por umas das partes... levando assim a que uma metade seja destruida e levando à destruição do par...

A violência não fisica é a bem maior e mais destruidora...

Gostei do programa... e de ver esses assuntos discutidos, pois são este tipo de programas que trazem os assuntos para a luz, e até possam ajudar algumas pessoas.

Abraço

Manuel Damas disse...

Pois...
Mas o exagero nunca foi qualidade e , muito menos, o exagero em termos de guardar para ti aquilo que aos outros saberá bem...E, obviamente, estou a falar, apenas, do "gosto"...
:)))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))))

Manuel Damas disse...

Já tina saudades de o ler por aqui, vsu...
:))))))))))))))))))))))))))))))))))
Obrigado pelos elogios e, acima de tudo, pelo incentivo.
Um grande abraço

Sunshine disse...

Obrigada, obrigada, obrigada!!! O programa foi excelente foi pena só ter podido vê-lo hoje.:(
Uma das vítimas de violência psicológica que conheço e que a sofre ao longo de anos e anos de casamento disse-me: "Não sejas a mulher que eu sou."
Não sou!
Beijinhos radiosos.

Manuel Damas disse...

Um beijinho radioso para si também, CC.